Como fazer o fechamento do eSocial?

O eSocial faz parte de um conjunto de obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas. Por isso, entenda como fazer o fechamento…

 | 

O eSocial faz parte de um conjunto de obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas. Por isso, entenda como fazer o fechamento do esocial, para que você saiba exatamente quais obrigações já entregou e quais ainda precisa entregar.

Para tanto, criamos um passo-a-passo para que você consiga entregar o eSocial, com data até 15 de Junho. Portanto, até esta data, você cada empresa que você atende, precisa entregar:

É muito fácil: você segue o passo-a-passo que está lá e pronto, fechamento da folha feito com sucesso! Nele, você encontra orientações como:

  1. Conferências dos eventos iniciais e de tabela;
  2. Orientações de preenchimento das informações no sistema;
  3. Configurações importantes para o envio ao eSocial;
  4. Envio dos eventos ao eSocial;
  5. Transmissão da DCTFWeb.

Conferências dos eventos iniciais e de tabela

Primeiramente comece conferindo o cronograma, para realizar os envios corretamente: confira o prazo de entrega e o que será entregue em cada etapa, conforme cronograma do eSocial.

Depois verifique as configurações no sistema Folha de Pagamento: Certifique-se de que o Tron Integrador esteja esta ativo. É essencial que você utilize os sistemas Tron para conseguir continuar neste passo-a-passo.

Confira, no cadastro da empresa, se o Tipo de Ambiente está em PRODUÇÃO.

Confira se a empresa tem o certificado digital ou a procuração do contador. O certificado pode ser dos tipos A1 ou A3. O Certificado A1 tem melhor performance no envio dos eventos do que o A3.

Consulte no portal do eSocial (opção-> consulta obrigatoriedade), a qual grupo do eSocial a empresa pertence.

Confira, no cadastro da empresa, as configurações de data de cada fase do eSocial, conforme cronograma oficial.

Orientações de preenchimento das informações no sistema

Confira as seguintes informações no cadastro da empresa que influenciam no cálculo das contribuições do FGTS:

  • Classificação tributária do contribuinte;
  • Indicativo de desoneração da folha;
  • Inserções para entidades beneficentes de assistência social;
  • Acordos internacionais para isenção de multa;
  • Indicativo de construtoras;
  • Verifique se o percentual do FAP está correto no cadastro da empresa e no portal do eSocial;
  • Verifique se o percentual do RAT estpa conforme o CNAE preponderante da empresa (Consulte Anexo 5 no decreto 3.048);
  • Consulte o FPAS conforme atividade da empresa e o código de terceiros na tabela de lotação tributária. Para isso, consulte a Tabela de Lotação Tributária;

Configurações importantes para o envio do eSocial

Verifique o indicativo de substituição da contribuição patronal de obra de construção civil (S-1005).

As pessoas físicas devem ser cadastradas com seu CAEPF no evento S-1005.

Confira todos os eventos utilizados no fechamento da folha através do Resumo da Folha. Com ele, os resumos devem estar parametrizados na opção de Parametrização de Rubricas. E, ainda, se foram enviados ao eSocial, com as Incidências de INSS, FGTS e IRPF corretas.

Confira a parametrização das rubricas na opção Auditoria -> Auditoria das Rubricas.

Certifique-se de que todos os empregados foram informados com o código da Lotação Tributária correto.

Por último, cerifique-se de que foram enviados todos os eventos não periódicos (admissões, alterações cadastrais, alterações contratuais, afastamentos, desligamentos e etc) dos colaboradores, estagiários e pró labores, suas alterações contratuais e seus desligamentos sem vínculos.

Envio dos eventos ao eSocial

Dê uma atenção especial para estes eventos antes de iniciar o fechamento da sua folha de pagamento:

S-2205 registra as alterações de dados cadastrais do trabalhador, tais como: documentação pessoal, escolaridade, estado civil, etc. Obs.: Não deixem de manter atualizadas as informações cadastrais dos trabalhadores, sempre que houver alguma alteração nesses dados, atualize o quanto antes na base de governo, enviando o evento S-2205;

S-2206 refere-se à alteração do contrato de trabalho, tais como: remuneração e periodicidade de pagamento, duração do contrato, local, cargo ou função, jornada, entre outros. Realizando o registro;

S-2230 é utilizado para informar os afastamentos temporários dos trabalhadores, por quaisquer dos motivos elencados na “Tabela 18 – Motivos de Afastamento” do eSocial. Realizando o registro;

Envio do Fechamento da Folha para o eSocial:

Envie os pagamentos periódicos para as empresas que possuem empregados e/ou contribuintes individuais com movimentação na folha de pagamento. Clique aqui e confira como enviar o S-1200;

Quando não há pagamento no mês, é necessário enviar o fechamento das competências sem movimentos na primeira competência em que o envio se torna obrigatório. Se a situação sem movimento da empresa persistir nos anos seguintes, deverá repetir este procedimento na competência janeiro de cada ano, exceto para empregador pessoa física ou MEI, cujas informações são facultativas. Saiba como fazer o envio aqui;

Verifique se houve desligamento no período de obrigatoriedade e o envio do S-2299 – Desligamento e S-2399 – Trabalhador Sem Vínculo de Emprego/Estatuário – Término. Saiba como enviar os Eventos S-2299 e S-2399;

Caso a empresa tenha desoneração na folha de pagamento deverá lançar essas informações na opção eSocial -> Informações Complementares -> S-1280 evento complementar eventos periódicos. Clique aqui para entender como enviar o S-1280;

Caso a empresa seja um Produtor Rural, pessoa física ou segurado especial, torna0se obrigatório o evento S-1260 – Comercialização de Produção Pessoa Física, o mesmo deve lançar essas informações na aba eSocial -> Aquisição/Comercialização/Produtor Rural. Saiba como enviar o S-1260;

Não esqueça de lançar a data de pagamento na opção Controle de Pagamento para todos os empregados, por tipo de folha.
Confira como enviar o S-1210;

Após a geração do evento S-1200 de Remuneração, S-2299 – Desligamento e S-2399 – Trabalhador Sem Vínculo de Emprego/Estatuário – Término. Verifique na opção de Auditoria -> Base INSS – FGTS Tron x eSocial, se os valores estão corretos.

Obs.: Até a substituição da GFIP, para o recolhimento do FGTS pelo FGTS Digital, as empresas continuam obrigadas à SEFIP de acordo com o prazo da SEFIP.

Transmissão da DCTFWeb

Faça o envio do S-1299 de Fechamento da Folha. Saiba como enviar aqui.

Após a geração do evento S-1299, verifique se os valores estão corretos, na opção de Auditoria -> DCTFWeb [5011] x Tron. Veja como realizar essa auditoria.

Por último, acesse o portal da DCTFWeb e escolha a declaração. Se houver necessidade, faça a edição das vinculações. Se não houver necessidade, faça a transmissão da declaração e emita o DARF.

Automação Contábil

Automatizar o processo contábil nunca foi uma realidade tão presente. Não apenas para as empresas contábeis mas para todas as que querem modernizar suas rotinas de Escrituração Fiscal.

Fale agora mesmo com um dos nossos consultores e comece já a automatizar sua rotina contábil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *