Como calcular o desconto do INSS na folha de pagamento

Como calcular o desconto do INSS na folha de pagamento

O cálculo do desconto do INSS na folha de pagamento sofreu algumas alterações desde o início deste ano. Entretanto, esta…

 | 

O cálculo do desconto do INSS na folha de pagamento sofreu algumas alterações desde o início deste ano.

Entretanto, esta mudança têm feito surgir muitas dúvidas no mundo contábil, fator que impulsiona a procura pelo assunto na internet.

Por isso, você vai conferir abaixo, um resumo de tudo que você precisa saber sobre o desconto do INSS na folha de pagamento.

Qual a razão do desconto do INSS na folha de pagamento? 

O desconto do INSS na folha de pagamento dá ao trabalhador a garantia de um benefício essencial para todos: a aposentadoria.

Sendo assim, é através do desconto do INSS sobre a folha de pagamento, que todos os trabalhadores que contribuem com a previdência têm seus direitos trabalhistas assegurados pela CLT.

Em princípio, para entendermos mais a fundo sobre o desconto do INSS, é importante sabermos que existem diversas situações e variações a serem consideradas sobre o assunto.

Isso porque não são somente os trabalhadores com carteira assinada (CLT) que contribuem com o governo.

Os profissionais autônomos (que atuam com ou sem CNPJ) e os empreendedores individuais também podem contribuir com a previdência, desde que atendam às condições necessárias.

Assim, é importante antes de saber como calcular o INSS na folha de pagamento, entender o motivo pelo qual ele ocorre.

Todavia, o desconto na folha de pagamento ocorre a partir do empregador, que tem a obrigação de informar a Previdência Social todos os dados do seu colaborador.

De tal forma que, ele ocorre através do desconto do salário pela guia INSS, que é pago mensalmente através do seu registro de CNPJ.

Assim, é um processo em que necessita tanto da contribuição do trabalhador, como a contribuição da parte do empregador.

Então, através do desconto do INSS na folha de pagamento, o trabalhador passa a ter direito a vários benefícios além da aposentadoria como:

  • Pensão por morte;
  • Salário maternidade;
  • Salário Família;
  • Seguro Desemprego;
  • Aposentadoria por invalidez ou por idade;
  • Auxílio-doença;
  • Reabilitação Profissional

Logo, que é importante sempre lembrar que quando o desconto não é feito de maneira correta, o trabalhador tem o  direito de recorrer judicialmente contra a empresa.

Entendendo o desconto do INSS na folha de pagamento 2022 

O cálculo de desconto do INSS na folha de pagamento é feito através da folha de salários do trabalhador.

Antes que o trabalhador receba o seu pagamento.

Entretanto, o desconto é feito de maneira mensal e o valor é transferido pelo empregador para a Previdência Social.

Contudo, o valor do desconto do INSS varia conforme o salário bruto de cada trabalhador.

Dessa forma também é importante saber que existe o desconto do INSS na folha de pagamento para pessoas jurídicas, o INSS Patronal.

Que mudanças ocorreram no desconto do INSS na folha de pagamento 2022?

A partir de Janeiro de 2022, a taxa de desconto do INSS é aplicada através de uma relação de valores.

Isto é, rendimento do trabalhador indica qual será o desconto na sua folha de pagamento.

Sendo assim, a nova relação de porcentagem e desconto do INSS na folha de pagamento é baseada nas informações abaixo:

  • Até R$ 1.212,00 – Desconto de 7,5% sobre o salário bruto;
  • Salário de R$ 1.212,01 até R$ 2.427,35- Desconto de 9% sobre o salário bruto;
  • De R$ 2.427,36 até R$ 3.641,03- Desconto de 12% sobre o salário bruto;
  • De R$ 3.641,04 até R$ 7.087,22- Desconto  de 14% sobre o salário bruto.

Embora, muitos negócios e empresas foram impactados pela pandemia, gerando inclusive um difícil gerenciamento na parte contábil de muitas organizações.

A saber, visando uma solução para isso, a Tron oferece ao mercado o Tron Connect, um programa que ajuda o seu escritório contábil a manter todos os cálculos em ordem.

Além do  Tron Connect, existem outros programas na Tron  que podem auxiliar o seu escritório a deixar todos os números do seu negócio em dia.

Conheça todos eles acessando nossa página de produtos agora mesmo.

Como calcular o desconto do INSS na folha de pagamento?

O cálculo de desconto do INSS na folha de pagamento 2022 de maneira geral, obteve uma redução no valor descontado do INSS do trabalhador.

Afinal, essa redução pode ser vista observando a forma de desconto aplicada em 2019, antes da pandemia.

Anteriormente, quando apenas se calculava o percentual da contribuição baseando-se sobre o valor inteiro do salário, não separando-o por faixas como acontece agora.

Desse modo, em 2022 o percentual de desconto do INSS na folha de pagamento vai variar conforme o valor de remuneração recebido pelo trabalhador.

Sendo assim, quanto maior é o salário do profissional, maior será o desconto para usufruir os benefícios da previdência social.

No entanto, as variações são separadas conforme com as 4 faixas salariais distintas que vimos agora há pouco.

Então, dando um exemplo de um colaborador que recebe R$ 3.000,00 reais mensais, no ano de 2022, o cálculo do desconto em 2022 deverá ser feito assim:

Se o trabalhador tem o salário de  R $3.000,00, então ele se encontra na terceira faixa (Entre R$ 2.427,36 e R$ 3.641,03).

Assim, é necessário calcular o valor da alíquota para cada faixa salarial:

1ª faixa salarial: 1.212,00 x 7,5% = 90,90

2ª faixa salarial: [2.427,35 – 1.212,00] x 9% = 1.215,35 x 9% = 109,38

3ª Faixa que incide no salário: [3.000,00 – 2.427,35] x 12% = 572,65 x 12% = 68,71

4ª Total a recolher: 90,90 + 109,38 + 68,71 = 268,99

Só para exemplificar melhor, vamos explicar o cálculo do desconto para um trabalhador que recebe 1.500 reais de salário.

Como o valor da sua faixa salarial está contida na segunda alíquota ( de 1.212,01 até 2.427,35) deverá o contabilista calcular:

7,5% sobre o salário mínimo R $1.212,00 que é  R $90,90.

Em seguida, você deve somar mais 9% sobre a quantia contida na segunda faixa salarial.

Assim teremos: (1.500,00 – 1.212,00  que é igual a R$ 288). Portanto, 9% dos 288, resultando em R$25,92.

Em suma, o cálculo, vamos ter R$ 90,90+ R$ 25,92 = R$ 116,82 (este é o valor de desconto do INSS na folha de pagamento para este trabalhador).

Observações sobre o desconto do INSS na folha de pagamento

Existe um teto de contribuição atualmente sobre o desconto do INSS que é de R$ 7.087,22.

similarmente, também é importante saber que os reajustes valem para trabalhadores domésticos e empregados avulsos.

Todavia, antes, o trabalhador autônomo ou por conta própria que ofertava serviços para uma empresa, como os autônomos e as diaristas, eram segurados facultativos.

Posto que nesses casos, as empresas recolhiam a alíquota de 11% sobre o valor do salário mínimo, o que não acontece mais agora.

Diferenças numéricas de % de desconto do INSS na folha de pagamento

Ano de 2021

  1. Até R$ 1.100,00 (salário-mínimo) – 7,5%
  2. Entre R$ 1.100,01 e R$ 2.203,48 – 9%
  3. R$ 2.203,49 e R$ 3.305,22 – 12%
  4. R$ 3.305,23 e R$ 6.433,57 – 14%

Ano de 2022

  1. Até R$ 1.212,00 (salário-mínimo) – 7,5%
  2. Entre R$ 1.212,00 e R$ 2.427,35 – 9%
  3. R$ 2.427,36 e R$ 3.641,03 – 12%
  4. R$ 3.641,03 e R$ 7.087,22– 14%

Cálculo do salário líquido em 2022

Em 2022, todo trabalhador contratado via Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) estará sujeito aos descontos referentes ao cálculo do salário líquido.

Assim como o do INSS, que corresponde a uma porcentagem entre 7% e 14% como vimos no decorrer do artigo.

Entretanto, o contador deverá realizar a busca para o cálculo dos descontos devidos em relação ao imposto de renda, que pode variar entre 0% até 27,5% da alíquota.

Para isso, deve-se basear na tabela abaixo, que corresponde a mesma tabela de 2021, já que não houve nenhuma mudança.

Base de Cálculo Dedutível % da AlíquotaParcela Dedutível em R$
Até 1.903,980%0,00
De 1.903,99 até 2.826,65    7,5%142,80
De 2.826,66 até 3.751,0515%354,80
De 3.751,06 até 4.664,6822,5%636,13
Acima de 4.664,6927,5%869,36

Que categorias não foram afetadas pelo novo desconto do INSS na folha de pagamento?

Algumas categorias não foram afetadas pelo novo cálculo de desconto do INSS na folha de pagamento.

Bem como, podemos citar o microempreendedor individual (MEI), que paga uma alíquota de 5% sobre o valor do salário mínimo.

Por fim, atualmente o valor corresponde a R$60,60.

Além disso, outra categoria sem mudanças é o contribuinte individual que presta serviços a empresas.

Nesse grupo mantém-se o valor de 20% sobre o piso nacional, que hoje está em R$242,40.

Entretanto, os trabalhadores que recebem um salário mínimo, devem contribuir com as novas regras já em vigor.

Conheça o Combo Tron Departamento Pessoal, um programa que automatiza todas as tarefas da sua equipe com versão atualizada sobre as taxas e alíquotas cobradas em tempo real.

Os comentários estão desativados.